18
Jul 07

Biografia

 

 

No natal de 2003, os vizinhos Alex Turner e Jamie Cook, recebiam como presente guitarras. Desde essa data, que os jovens desataram a tocar, treinar intensivamente até à obsessão, memorizando músicas de White Stripes, e the Vines. Juntaram-se então com os amigos Andy Nicholson e Matt Helders, ficando Turner na voz e guitarra, Cook na guitarra, Nicholson no baixo e Helders ficou com “o que sobrou” – como o próprio indica –, a bateria.

Com um estilo onde são visíveis influências de the Jam, the Clash e The Smiths, e com os Oásis como referência, formaram-se assim os Arctic Monkeys, com um som Britpop-alike, entrando na nova vaga do movimento…

Os Arctic Monkeys iniciaram também um novo movimento, ao se “aproveitarem” da Internet para divulgar o seu material, sendo a primeira “banda MySpace”, atingindo enorme sucesso ainda antes de editarem oficialmente qualquer álbum ou single.

Na primavera de 2004, assinaram contrato com a Domino, editora de bandas “colegas” como os Franz Ferdinand e os Clinic. Em Outubro de 2005, lançam o seu 1º single, «I Bet that you look good on the dancefloor», que atinge o pico do topo nos tops do Reino Unido. Em Janeiro do ano seguinte, editam o seu primeiro álbum: Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not, tendo vendo só no Reino Unido, no primeiro dia 118501 cópias, alcançando um record e vendendo sozinho mais que os restantes álbuns juntos, que compunham o top 20. Na primavera do mesmo ano, lançam o EP Who the Fuck Are Arctic Monkeys.

Durante a primeira digressão norte-americana, sofrem a primeira baixa, com a saída do baixista Andy Nicholson, que saiu devido a se apresentar cansado, sendo substituído por Nick O’Malley.

No Outono de 2006, os Arctic Monkeys, começam a senda de recepção de prémios vencendo o 2006 Mercury Prize, ganhando os prémios de Best Breakthrough Act nos Brit Awards, bem como Best New Band e Best British Band nos NME Awards.

Aproveitando todo o hype em sua volta, a banda editou o segundo álbum Favourite Worst Nightmare, na primavera de 2007, tendo no mesmo ano arrecadado ainda mais prémios nos Brit Awards, desta feita para Best British Band e Best British Álbum com Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not.

 

Whatever People Say I Am, That's What I'm Not (2006)

Favourite Worst Nightmare (2007)

publicado por FV às 17:33

Bom dia.

Parabéns pelo Blog, merece ser mais uma vez destacado. Agora aparece também na Homepage do SAPO.

Boa continuação :)
JoanaTorrado a 20 de Julho de 2007 às 10:29

só Merdas...
passer by a 22 de Julho de 2007 às 01:52

Parabéns!
O blog está muito bem!
Lara a 21 de Julho de 2007 às 01:27

Pessoalmente.. nao curto nada os Artic Monckeys..
Pra mim sao a pior banda do mundo.. a seguir aos N'sync claro....
LOOOL
mas exes ja akabarm..ufa!

alem dixo taum semp a falar mal d mark ronsoon.. e ele é um produtor espectacular... adoro-o.

mas pronto..
este blog n m parece ser dedikad so a eles ne??
=)

Parabéns pelo destaque na sapo..e ja agora, boa sorte po blog.. =)
robbiewilliams1023 a 22 de Julho de 2007 às 01:22

Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
19
20

22
23
24
25

29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

pesquisar
 
mais sobre mim

AS

FV